168Visitas |  Like

LIMPEZA DA PELE OLEOSA NO VERÃO: SAIBA A IMPORTÂNCIA DE LAVAR O ROSTO DURANTE A TEMPORADA DE CALOR

Lavar o rosto é o primeiro cuidado do dia que precisamos ter com a pele oleosa, e essa atitude passa a ser ainda mais importante durante o verão. Na temporada quente, os dias se tornam movimentados, longos e com as temperaturas elevadas, deixando a região cutânea com uma produção de sebo ainda maior. Ao fim do dia, o resultado é um rosto cheio de resíduos, que podem refletir na obstrução dos poros e no surgimento de acne. Para escapar desses danos, a dermatologista Vanessa Metz, do Rio de Janeiro, contou sobre a importância de realizar a limpeza na pele oleosa.

Como a pele oleosa costuma se comportar durante o verão?

De acordo com a médica, embora seja naturalmente mais brilhosa o ano inteiro, a pele oleosa acaba sofrendo mais no verão. Logo nos primeiros dias, o rosto costuma passar por algumas transformações, principalmente pelo excesso de suor. “A pele tem uma maior produção de sebo devido às altas temperaturas da época”, explicou

A exposição solar promove a produção exagerada de sebo e o surgimento de acne?

A Dra. Vanessa contou que já ouviu muitos relatos sobre tomar sol fazer bem para a pele acneica – e, em parte, é verdade. “A exposição solar a curto prazo realmente é capaz de secar as espinhas, porém, também acaba proporcionando um efeito rebote nas glândulas sebáceas, produzindo mais oleosidade e, consequentemente, gerando mais acne”, esclareceu. O excesso de banho de sol também pode causar manchas nas lesões de espinhas, além do risco de câncer de pele.

Como evitar o excesso de brilho e oleosidade na pele durante o verão

“É importante que o paciente pratique uma limpeza facial adequada todos os dias”, recomendou, enfatizando a importância de escolher um produto específico, recomendado por um dermatologista. Para pessoas com o rosto oleoso e com tendência à acne, é ideal apostar em dermocosméticos em gel, com ativos como LHA e ácido salicílico, que ajudam a tratar as espinhas; e o gluconato de zinco, que influencia na diminuição da produção de sebo pelas glândulas sebáceas. Já para quem tem a pele oleosa, mas também sofre com uma certa sensibilidade na região, uma opção é adquirir produtos à base de PCA de zinco e glycacil, que minimizam o excesso de oleosidade sem ressecar ou agredir o rosto.

FONTE: dermaclub.com.br