267Visitas |  Like

Modelos de bike e acessórios para quem está começando a pedalar

Antes de começar a pedalar é bom se informar sobre modelos de bike e acessórios importantes para complementar a magrela e ajudar no treino

Existem vários tipos de bicicleta no mercado: leves, baratas, estilosas. A escolha deve ser feita de acordo com o objetivo. Defina o seu e saia à procura da sua parceira. E lembre-se: as marcas top pode até ser caras, mas elas garantem mais durabilidade e conforto e apresentam melhor custo/benefício. Confira algumas opções:

Dobrável

Ótima opção para substituir o carro, permite que você regule a altura do guidão e do selim. É fácil de transportar e guardar (no porta-malas, na garagem ou até ao lado da mesa de trabalho).

Mountain bike

Com rodas largas e estrutura mais resistente, ela é própria para terrenos montanhosos e acidentados. Por causa do peso, não é tão boa para quem busca velocidade, mas funciona para deslocamentos na cidade.

Road ou speed

Perfeita para a prática esportiva, esta bike é mais leve (os pneus são bem finos). Só que a buraqueira comum das cidades pode fazer com que ela seja um meio de transporte desconfortável.

Híbrida

A chamada multiúso – meio-termo entre road e mountain bike – é ideal para quem pensa em meio de transporte e esporte. Porém, costuma ser mais cara que a mountain bike e render menos que uma speed.

3 pontos fundamentais

1. Encaixe perfeito

Para definir a altura do banco, fique em pé ao lado da bicicleta e posicione-o três dedos abaixo da linha da sua bacia para que, quando você estiver sentada, sua perna fique um pouquinho flexionada para não forçar as articulações. Durante a pedalada, os joelhos se mantêm apontados para a frente (e não abertos). Também vale, a cada oito meses, fazer a revisão de freios, marchas, pneus e corrente.

2. Enxoval básico

Opte por peças esportivas de dry fit, tecido que garante a absorção e a evaporação da umidade. Os modelos com bolsos atrás são superúteis para carregar celular, documento e suplemento. Compre pessoalmente o capacete (item indispensável!) para conseguir experimentá-lo. Quando os treinos ficarem mais longos, vale ter também uma bermuda de ciclista com proteção acolchoada.

FONTE: boaforma.abril.com.br